Posts Tagged ‘descobrindo’

[Wii]10 Super Dicas Anti-Brick

29, agosto, 2009

A geração atual de video games trouxe um termo novo para cultura “gamer” que muitas pessoas não gostariam de conhecer, o temido “Birck”.

Mas afinal, o que é “Brick”?

A palavra “brick” vem do inglês e significa tijolo. Na linguagem dos jogadores “brickar” significa inutilizar, quebrar; transformar o video game em um tijolo sem utilidade. No Wii o termo é dividido basicamente em dois, “Semi Brick” e “Full-Brick”.

Semi Brick: Geralmente ocorre quando o console é atualizado através de um jogo de região diferende do firmware. Apenas algumas das funções do video game são perdidas, e pode ser indentificado caso haja uma mensagem de erro ao tentar acessar o “System Settings” (janela com uma chave em “Wii Options”).

Full Brick: Ocorre quando algum arquivo da memória interna (NAND) é corrompido ou incompatível. Este é muito pior do que o Semi Brick pois o console liga, mas trava em uma tela preta.

Se você deseja uma explicação mais completa sobre brick – Mais>>

Este artigo trás dez super dicas para evitar que seu video game se tranforme em um peso de papel muito caro.

Atenção: TODAS as dicas são de igual importância e devem ser concideradas. Numerie elas apenas para efeito didático.

1. Não use jogos ou programas de região diferente do seu Wii: O nintendo Wii é o único console que possui controle de região atualmente.

  • Atualizar o Wii com jogos de outras regiões causa “Semi-Brick”. Apesar de ser um problema fácil de contornar certifique-se de que o jogos são da mesma região do seu console ou não irão atualiza-lo. Para descobrir a região – Veja >>
  • Canais também possuem região. Então também seja cuidadoso e verifique se o arquivo pertence a região do seu video game ou funciona em qualquer região (região free).
  • Programas Homebrew normalmente são criados para funcionar em qualquer região mas, existem alguns que são específicos para cada região.

Dica:

  • Programas homebrew feitos para inciar jogos backup (lauchers) evitam automaticamente a atualização. Alguns lauchers: Neogamma, Softchip, Backup laucher.

2. Nunca desligue o Wii durante atualização ou instalação de programas:

  • Caso você desligue o Wii durante a gravação de um arquivo do sistema na memória interna, ele poderá ficar inutilizado (corromper) causando um “Brick”. Por isso não desligue o Wii, principalmente, durante atualização, ou istalação de um arquivo do sistema.
  • Esta dica vale para qualquer programa que grave na memória interna do console (oficiais, homebrews, e até mesmo durante os “save game”). Apesar de  nestes casos não “brickar” o Wii os arquivos podem ser corrompidos.

Dicas:

  • Evite fazer atulizaçõe em dias de tempestades ou de instabilidade elétrica.
  • Não é necessário, mas caso você possua um nobreak uma boa pedida é ligar o Wii nele durante atualizações.

3. Nunca use jogos ou programas de fontes suspeitas ou desconhecidas:

  • Seja calteloso ao baixar programas da internet. Um programa mal construido ou um jogo mal modificado pode aleterar seu Wii inadequadamente. Procure saber se foi testado por outros usuários e se  há alguma recomendação, antes de usar no seu Wii.
  • Em caso de dúvidas quanto a compatibilidade não exite em questionar.

Dicas:

  • Uma excelente ferramenta  para se manter bem informado são os foruns. Eu ,particulamente, uso e recomendo o Outer Space.
  • Em uma breve busca você irá encontrar milhares de fóruns sobre Nintendo Wii e Homebrew. Use o que você mais se indentificar. Só não deixe de se informar.^^

4. Adiquira conhecimento antes de usar ou fazer qualquer coisa no seu Wii:

  • Para evitar brick é fundamental saber o que você está fazendo, quais são os riscos e possiveis soluções caso algo saia de maneira inesperada.
  • Busque informação em mais de uma fonte.
  • Nunca faça algo que você não saiba ou não se sinta seguro.

Dicas:

  • Como na dica anterior use os foruns para questionar e aprender mais. Eu recomendo o Outer Space. Mas, sinta-se livre para fazer sua escolha.
  • Você também pode usar este blog para tirar suas dúvidas. Ficarei feliz em ajudar.^^

5. Nunca delete arquivos do sistema ou desconhecidos:

  • Com a evolução do Homebrew (aplicações caseiras) já existem aplicações que nos permite deletar qualquer arquivo da memória interna do Wii (Anytitle Delet, por exemplo). A mesnos que você saiba o que está fazendo, NUNCA delete aquivos do sistema ou que você não saiba a utilidade.

Dica:

  • A menos que seja estritamente necessário, não use homebrews para desocupar espaço na memória do Wii. Utilize o “Data Management” nas opções.

6. Cuidado Redobrado com programas que alteram o Wii profundamente:

  • Programas que alteram que alteram o funcionamento do seu Wii de maneira drástica devem ser usados com caltela. Starfall, Freeloader, Freedom S.O. são alguns exemplo.
  • É relevante se informar de como reverter a instalação.

Dica:

  • A menos que seja necessário, o ideal é não usar este tipo de programa.

7. Use o Homebrew chanel para executar aplicações homebrew: O nome já diz tudo Homebrew Channel (Canal para aplicações caseiras).

  • A maneira mais segura de executar programas homebrew é através do Homebrew Channel. As aplicações são lidas diretamente do cartão SD ou dispositivo USB poupando a memória interna (NAND) de possiveis erros e conflitos.
  • Canais não oficiais são interessantes, mas se forem mal construidos, principalmente com relação ao tamanho das imagens, podem causar um tipo de Full Brick conhecido como Banner Brick. Use apenas o Homebrew Channel.
  • No Wii todos os canais possuem um número de indentificação (Title id). Canais criados não oficialmente recebem uma numeração aleatória que geralmente não é usada pela nintendo. Caso a Nintendo crie um canal com mesmo número ou a pessoa que criou o canal dê um número de outro canal você poderar ter problemas para instalar ou, até mesmo, substituir canais já instalados.

Dica:

  • Se você usa muito o Homebrew channel e praticamente não usa o menu do Wii, uma aternativa para iniciar mais rápido é instalar o bootmii como boot2 e com o Bootmii Configuration ajustar para que o Wii inicie o Homebrew Channel automaticamente. – Mais>>
  • Infelizmente nem todo mundo pode instalar o boomii como boot2.

8. Evite fazer downgrade: Instalar  arquivos do sistema antingos(fazer um downgrade) em Wii recentes  pode causar bricks.

  • A Nintendo bloqueou o downgrade de alguns arquivos do sistema nas versões mais novas do Wii (fabricados a partir do final de 2008). A menos que seja necessário (para habilitar o trucha bug, por exemplo), evite instalar versões antigas de arquivos do sistema.

Dica:

  • Para restaurar o Trucha Bug, a maneira mais segura que eu conheço é esta>>

9. Use ferramentas de recuperação:

  • Além de toda preucação é sempre bom estar informado sobre os métodos de recuperação de brick caso ocorra alguma eventualidade. Algumas ferrementas: bootmii, Freeloader.

Dica:

  • Aqui no blog tem um tutorial de como instalar e usar o bootmii – Veja>>

10. Divrita-se:

  • Infelizmente brick existe e pode acontecer com qualquer um. Seguindo estas dicas a chance de seu console brickar é muito pequena. Video game foi criado para descontração. Divirta-se^^

divirta se

Quer mais?

Descobrindo o firmware e o nº de série do Wii:

08, agosto, 2009

Neste pequeno guia vou ensinar o procedimento para se descobrir o número de série e a versão do firmware do seu Wii.

1. Descobrindo a versão do firmware:

Firmware é um conjunto de instruções gravadas em um chip. No Wii, o firmware atua como um Sistema Operacional, é responsável por gerenciar a interação com o usuário assim como os componentes eletronicos.

É muito simples descobrir a versão do firmware em uso, para isso, vá em “Wii Options” e abra a janela “Wii Settings“. Abrirá uma tela parecida com a da figura abaixo:

Versão do firmware

A versão está destacada pelo retangulo vermelho

Os números: indicam a versão atual do seu firmware. No caso do exemplo é 3.3!

A letra: indica a região, atualmente existem apenas quatro regiões:

U – USA (Estados Unidos);

E – Europe (Europa);

J – Japan (Japão);

K – Korea (Coréia).

Atenção: o que realmente determina a região do console é a versão do firmware (ou seja, a letra da tela acima).

Isso significa que o console pode ser fabricado (made) na China, no Japão ou na Coréia, mas se tiver a letra “U”, por exemplo, a região será americana.

O Wii só aceita aplicações de região identica ao console ou que funcione em todas as regiões (Region free). Conhecer a região é importante para saber quais aplicações podem ser instaladas em seu console.

Semi Brick: Caso você não consiga acessar o “System Settings”, infelizmente seu Wii foi atualizado com um jogo de uma região diferente do video game. Você verá uma imagem de erro parecida coma figura abaixo. O nome deste erro é Semi Brick – Mais>>

Erro em Wii Setting

Em consoles coreanos só aparecerá 3 pontos na tela. Na figura acima, eu marquei os pontos de vermelho para que você perceba que o erro é o mesmo. As letras não são mostradas porque o “Sytem Menu” coreano não tem caracteres romanos.

Para resolver este problema, simplesmente atualize o Wii com um jogo da sua região.

2. Descobrindo o número de série:

O número de série indica o lote ao qual o Video Game pertence.

Este número fica em uma etiqueta  do lado direito (horizontal) ou na parte de baixo (vertical) do Wii. Veja na figura:

Número serial

Os quatro primeiros digitos é suficiente para indentificação. O console do exemplo é LEH19.

Modelo e Região: Na mesma etiqueta é possivel descobrir qual o modelo e qual a região original do seu Wii. No modelo de exemplo a região original é Europa (EUR).

Modelo e Região

Atenção: Hoje já existem algumas maneiras de modificar a região do seu console. Como eu falei anteriormente, o que realmente define a região é a letra ao lado da versão do firmeware em Wii Settings. Sendo assim, a região deste adesivo só é util em consoles não modificados ou em consoles Semi Brickados, que também não tenham sido alterados.

Ano de fabricação:

Ano de fabricação

Alguns consoles mais recentes (fim de 2008  para cá) não aceitam a instalação de firmware antigo e alguns modelos de drivechip. Através do número de série e, uma pesquisa simples na internet,  você será capaz de descobrir se seu modelo pertence ao grupo.

Modelos que possuem firmware 3.4 ou maior original da Nintendo, possuem o Trucha Bug bloqueado. Para saber mais – Veja>>

Você já está apto para indentificar o fiwmware, o número serial, modelo, ano de fabricação e se está ou não Semi Brickado em qualquer  Wii.^^

fim450px

Quer mais?